Sintra celebra um ano na Presidência da Organização das Cidades Património Mundial

vila

O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, foi eleito, há um ano, dia 22 de novembro de 2013, presidente da Organização das Cidades Património Mundial, organização que reúne os locais classificados pela Unesco.

Basílio Horta venceu uma votação à qual concorriam os autarcas de Bruxelas (Bélgica), Lyon (França), Puebla (México), Quebec (Canadá), Safranbolu (Turquia), Valparaíso (Chile) e Varsóvia (Polónia). 

Durante o XII congresso, as cidades Património Mundial da Unesco votaram ainda na cidade de Arequipa, no Perú, para a realização do congresso de 2015. 

Fundada em 1993, a Organização das Cidades Património Mundial (OCPM) reúne as 254 cidades com locais inscritos na lista do Património Mundial da UNESCO.

Sob os critérios exigentes da Convenção são anualmente analisadas candidaturas, que após processo minucioso de análise, são incluídos na Lista do Património Mundial, sítios culturais e naturais de grande valor e autêntica relevância para a humanidade.

A Organização das Cidades Património Mundial tem como missão promover, a nível regional e internacional, a cooperação e o intercâmbio de experiências entre cidades de todo o mundo em colaboração com organismos que defendam objetivos semelhantes.

 
Image