Image

Exposições e teatro em destaque este fim de semana

02 9 2015-Centro Histrico

Teatro, exposições, corrida “Fim da Europa” e jogo teatral são alguns dos destaques para este fim de semana, que Sintra proporciona aos visitantes.

O grupo de teatro “Os Cintrões”, do Centro de Cultura e Desporto Sintrense, vai levar ao palco a comédia “Freira Endiabrada”, no próximo dia 27 de janeiro, pelas 16h00, na Casa da Cultura Lívio de Morais, em Mira Sintra, com entrada livre, mediante marcação.

No próximo dia 28 de janeiro, domingo, a partir das 10 horas, Sintra vai ser palco da 28ª Corrida “Fim da Europa”, iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Sintra em conjunto com Correr em Monsanto – Associação para o Desporto Popular.

O MU.SA, Museus das Artes de Sintra, acolhe de 20 janeiro  a  22 fevereiro, a exposição “A Palavra”, um projeto de conversas com estórias e de partilha narrativa, materializado numa exposição dos materiais promocionais, livros, objetos tradicionais e registo fotográfico do festival Aqu’Alva Stória, numa viagem de afetos e palavras.

A Byfurcação aposta mais uma vez em inovar e cria um novo conceito de espetáculo com o “Enigma”, todas as sextas e sábados, às 21h30, até 24 de fevereiro, na Quinta Nova da Assunção, Belas.

O “Enigma” baseia-se num jogo teatral que mistura o teatro imersivo com um jogo onde existirão vencedores e vencidos. Será um Escape Room onde todos poderão sair. Mas sairão com o poder de mudar o curso da história ou não. Tudo dependerá da astúcia e coragem de cada um.

Dans le Rôle: quando profissionais e utentes artistas se juntam é um projeto expositivo que está patente no Museu São João de Deus, em Mem Martins até 31 de janeiro.

O MU.SA – Museu das Artes de Sintra recebe a exposição de fotografia “Isabelle Huppert: Woman of Many Faces”, até 4 de fevereiro. Inserida na programação do Lisbon & Sintra Film Festival e com a presença da actriz e artistas com os quais colaborou, a exposição “Isabelle Huppert: Woman of Many Faces” reúne fotografias de Huppert por Nan Goldin, Henri Cartier-Bresson, Robert Frank ou Helmut Newton.