Aviso – Calor e Perigo de Incêndio Florestal

calor

O Serviço Municipal de Proteção Civil de Sintra dá conhecimento à população do tempo quente e seco com condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios florestais.

Hoje, dia 14 de julho, o vento roda para o quadrante leste, soprando forte até 45 km/h de Nordeste nas terras altas entre o final das tardes até ao meio das manhãs, a temperatura aumenta, com a máxima acima de 30ºC nas regiões do norte e entre 35 e 40ºC nas regiões do centro e do sul e a mínima acima de 20ºC, e a humidade relativa do ar próxima de 20% na generalidade do território.

​As condições descritas contribuem para um perigo de incêndio florestal muito elevado e extremo nas regiões do interior centro e Algarve, agravando a partir de amanhã em especial nas regiões do litoral norte e centro.

Medidas de autoprotecção:

  • Realização de queimadas, nem de fogueiras para recreio ou lazer, ou para confeção de alimentos;

  • Utilização de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confeção de alimentos;

  • Queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração;

  • O lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes;

  • Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem;

  • A fumigação ou desinfestação em apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

Cuidados a ter, face às condições meteorológicas previstas, na realização de trabalhos agrícolas e florestais, nomeadamente:

  • Manter as máquinas e equipamentos limpos de óleos e poeiras;

  • Abastecer as máquinas a frio e em local com pouca vegetação;

  • Ter cuidado com as faíscas durante o seu manuseamento, evitando a sua utilização nos períodos de maior calor.


Imprimir