Image

Autarquia continua a investir na requalificação das escolas de Sintra

Foi aprovada em reunião de câmara, esta terça-feira, a abertura de concurso público e adjudicação de empreitadas para a requalificação de cozinhas e de arranjos exteriores em escolas básicas do Concelho de Sintra.

Com um investimento de cerca de 650 mil euros, estas intervenções são para o presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, “um investimento na educação, fundamental para a qualidade de vida das famílias que vivem no nosso concelho e uma das formas de construir o nosso futuro coletivo”.

As intervenções, com prazo de execução de 3 meses, para a requalificação de cozinhas irão ter lugar na Escola Básica Belas 3, do Sabugo e Vale de Lobos, e têm como propósito a remodelação e ampliação das cozinhas e substituição de equipamentos obsoletos garantindo assim melhores condições e uma maior segurança alimentar.

A abertura do concurso público para futura reabilitação de cozinhas destina-se às Escolas Básicas de Francos e de Serradas. Já a empreitada de arranjos exteriores visa a conservação e reabilitação do Jardim de Infância e Escola Básica de Mem Martins 1, com o objetivo de inverter a trajetória de décadas sem conservação, de forma a garantir boas condições de funcionamento, devolver aos edifícios as suas características originais, garantido a estanquidade e as condições de conforto dos mesmos. O plano de intervenção contempla ainda a requalificação e revitalização do espaço existente e disponível, melhorando as condições de utilização atuais, reforçando assim o carácter de permanência, de acontecimentos, de práticas sociais, culturais e recreativas.

Recorde-se que o Plano de Investimentos nas Escolas de Sintra foi apresentado em março de 2018 e prevê a intervenção em 98 estabelecimentos de ensino, compreendendo mais de 30 mil alunos, num investimento total de cerca de 24 milhões de euros dos quais 3,250 milhões de fundos comunitários.

 

Image