Pintura, escultura e fotografia convergem numa só exposição

convergencias“Convergências” é o nome da exposição coletiva de pintura, escultura e fotografia de Filipe Romão, Inês Cerejo, Pedro Ramos e Sandra Borges, que irá decorrer no MU.SA – Museu das Artes de Sintra, de 21 outubro a 1 dezembro.

Tendo como ponto de partida a relação entre corpo e espaço, esta exposição apresenta diferentes perspetivas e possibilidades desta relação, que embora possam parecer desconetadas entre si numa primeira instância, um olhar mais atento verá que dialogam.

Se nas obras de Filipe Romão e de Pedro Ramos o espaço é o tema central, pelas paisagens e fragmentos de paisagem, temática recorrente na obra de ambos os artistas, na escultura de Sandra Borges o corpo é a essência da sua obra. Já nas fotografias de Inês Cerejo há a predominância do momento fugaz, do instante, onde silhuetas sugerem sombras. 

Image