Image

Obra literária "A Olho Nu" distinguida com Prémio Oliva Guerra de Poesia

A Obra literária, A Olho Nu, de Sofia Teixeira de Moraes, foi distinguida com o Prémio Oliva Guerra de Poesia 2019, instituído pela Câmara Municipal de Sintra.

O júri constituído por Bernardette Capelo Pereira, em representação da Associação Portuguesa dos Críticos Literários, José Manuel Mendes, pela Associação Portuguesa de Escritores, e Ricardo António Alves, designado pela Câmara Municipal de Sintra, decidiu por unanimidade, destacando o olhar e linguagem depurados, sobriedade, concisão e saber do ritmo.

O júri atribuiu ainda menções honrosas às obras, Coração Míope, de Rodrigo Prista Garcia; e Avenida Pasteur, de Rogério Luz.