Festival Internacional Periferias decorre até 17 de março

Até 17 de março, está a decorrer o 8.º Festival Internacional de Artes Performativas – PERIFERIAS, uma organização da Associação Chão de Oliva com o apoio da Câmara Municipal de Sintra, que pretende fomentar a solidariedade e a união do mundo lusófono.

Para Basílio Horta “o Periferias é uma instituição de Sintra, com reflexo nacional. Através deste festival, Sintra projeta a cultura dentro do concelho e projeta-se também a nível nacional e na comunidade de países que falam a língua portuguesa. O que trás muitas vantagens, tais como: a capacidade de expandir a riqueza que Sintra e Portugal têm, e a união dos países de língua portuguesa através da cultura “. 

A exposição “As Batucadeiras de Cabo Verde” abriu a 8.ª edição do Festival Internacional de Artes Performativas - PERIFERIAS, no dia 28 de fevereiro, e ficará patente até ao encerramento do festival.

O cartaz apresenta vários espetáculos de teatro, de música, de dança, de teatro de marionetas, de exposições, oficinas e ateliers de contos, uma feira do livro, direcionados a públicos de todas as idades.

Este ano o festival sai à rua e chega a diversos locais do concelho, onde apresentará nas próximas datas espetáculos de marionetas e teatro no Centro Cultural Olga Cadaval, performance na Casa de Teatro de Sintra, Música Clássica no Palácio Nacional de Queluz, Teatro no Auditório da Igreja de Rio de Mouro, entre outros.

Veja aqui o programa completo.