Festival Imaginário em destaque este fim de semana

Workshops, feiras do livro, jogos tradicionais para os mais novos e exposições são algumas das opções para visitar em Sintra este fim de semana, com destaque para a primeira edição do Festival Imaginário.

O centro histórico de Sintra e a Quinta da Ribafria vão ser palco para a 1.ª Edição do Festival Imaginário, de 31 de maio a 2 de junho, que pretende juntar crianças e adultos na descoberta do imaginário e da natureza.

A abertura deste festival tem inicio pelas 22h00, no dia 31 de maio, com o espetáculo gratuito “LÚMEN: Uma história de Amor”, uma narrativa musical interpretada por marionetas gigantes iluminadas, com cerca de cinco metros de altura irão percorrer o centro histórico de Sintra, acompanhadas com música ao vivo. Marionetas gigantes, contadores de histórias, teatro, circo, ioga, espetáculos para bebés, workshops, música e dança são algumas das atividades que poderá encontrar neste evento. 

Mais informações AQUI

 

No âmbito da comemoração do Dia Mundial da Criança, celebrado a 1 de junho, a autarquia preparou várias atividades para os mais novos, desde workshops, feiras do livro, jogos tradicionais ou ateliês.

Confira a programação para o dia 1 de junho:

 

-  Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, pelas 10h30 e 15h00

Visita guiada “Romano por um dia”. A partir de uma visita às ruínas da villa romana de São Miguel de Odrinhas, as crianças vão entender como se vivia a infância na época romana e encontrar semelhanças e diferenças entre o presente e o passado.

 - Museu dos Anjos Teixeira, das 15h30 às 17h00

Jogos tradicionais para os mais novos.

 - Biblioteca Municipal de Sintra, das 14h30 às 18h00

Feira de troca de livros infantis e juvenis no jardim da biblioteca. Neste evento propõem-se que as crianças sejam “livreiros” por um dia.

  - Casa do Chá dos Hipopómatos, na Biblioteca Municipal de Sintra, das 10h00 ás 19h00

 “Laboratório” de fotos, com Renata Bueno, para a elaboração de fotos divertidas e loucas, Feira do Livro, Jogos tradicionais e de tabuleiro, workshops, pinturas e muitas Histórias, ao longo do dia.

 - Biblioteca da Tapada das Mercês, às 16h00

Ateliê “Santos Populares”, realização de um manjerico com rimas alusivas à época.

 - MU.SA – Museu das Artes de Sintra, às 21h30

Artes Mágicas – “Laboratório Artístico” - atividade noturna direcionada para as famílias com crianças e jovens entre os 4 e os 12 anos, elaborada com base na exploração da Máquina Cinética de Nadir Afonso.

 - Ciclovia Mem Martins – Portela de Sintra, às 15h00

Atividade “Pedalar em Família” – passeio de bicicleta guiado, com inicio e fim em Ouressa, junto ao Complexo Desportivo Municipal. 

 - Largo da Casa da Cultura Lívio de Morais, às 10h30

Realização de Jogos Tradicionais ao ar livre para crianças do jardim de infância e alunos do 1.º ciclo.

- Centro Lúdico das Lopas, às 10h30

Várias atividades para as crianças com pinturas faciais, insufláveis e ateliê de expressão plástica. 

- Centro Lúdico de Rio de Mouro

Atividades ao longo do dia. De manhã pinturas faciais e jogos no exterior da parte de tarde.

 

A Junta de Freguesia de Queluz e Belas organiza, no próximo dia 1 de junho, entre as 10h00 e as 17h00, a quinta edição do Dia da Saúde, Beleza e Bem-Estar no Parque Urbano Felício Loureiro, em Queluz, com o apoio da Câmara Municipal de Sintra. Durante a realização da iniciativa, a que se associam diversas entidades e empresas da freguesia, terão lugar vários rastreios clínicos gratuitos, a par de demonstrações de Tai Chi Kung, Taekwondo, Reiki, Yoga e Zumba, atividades integradas no âmbito da saúde, beleza e bem-estar.

A exposição de fotografia “Como eu te vejo…Sintra”, de Luís Rodrigues, está patente até dia 29 de junho, nos Paços do Concelho, em Sintra. Sendo um amante da Natureza e tendo como pano de fundo uma das mais belas serras de Portugal, Sintra foi desde sempre a sua maior inspiração.

A exposição “O Espaço Ilimitado da Pintura”, obras da coleção de Nadir Afonso está patente no MU.SA – Museu das Artes de Sintra e insere-se nas comemorações do centenário do nascimento do pintor, a 4 dezembro de 1920.