Image

COVID-19 | Manual ao acesso e utilização de praias

O Governo lançou, em conjunto com várias entidades, um manual com linhas orientadoras para o regime excecional e temporário para a ocupação e utilização das praias, no contexto da pandemia COVID-19.

É necessário reinventar a forma como as praias são usufruídas, em segurança, salientando-se a necessidade de manter-se o distanciamento físico e as medidas sanitárias básicas, e ao mesmo tempo garantir aos banhistas uma experiência suficientemente confortável na praia.

O documento integra os contributos de diferentes entidades nacionais, regionais, locais e associações, visando encontrar soluções que permitam, simultaneamente, minimizar o risco de agravamento da pandemia, e permitir a fruição em segurança das zonas balneares.

A multiplicidade das condições existentes no terreno, implica que sejam definidas linhas orientadoras que serão posteriormente adaptadas em função do contexto local, no sentido de melhor se atingirem os objetivos preconizados, e devem garantir:

  • O cumprimento das orientações da Direção Geral da Saúde (DGS);
  • A sensibilização dos banhistas para o conceito de “IR À PRAIA EM SEGURANÇA”, de acordo com as regras definidas pelo Governo;
  • A divulgação de todas as regras de forma clara e simples, através de campanhas de sensibilização e de sinalética específica a utilizar, preferencialmente harmonizada a nível nacional;
  • A atuação de supervisão e fiscalização construtiva por parte das autoridades;
  • O conceito de praia inclusiva, promovendo as boas práticas adequadas à situação;
  • O faseamento das restrições, de modo a evitar a necessidade de recuar, promovendo a imagem de Portugal como país seguro.

é de salientar que o sucesso passa pela partilha de responsabilidade entre as entidades envolvidas, os concessionários e os utentes.

Consulte AQUI o manual.

 

Image