50 anos dos "Diamantes Negros"

diamantesnegros

Os 50 anos do grupo Diamantes Negros vão ser comemorados num concerto único no Centro Cultural Olga Cadaval, no próximo dia 10 de maio, às 21h30.
 

Os Diamantes Negros interpretarão, para além de temas em português, música francesa, inglesa e americana, evocarão Beatles, Shadows, Bee Gees, Otis Reading, entre muitos outros. 

Os primeiros acordes musicais dos Diamantes Negros terão um pouco mais de cinquenta anos, quando Álvaro José Silvestre e Carlos José Santos (Caínhas), davam autênticos concertos de harmónica no espaço real do Palácio Nacional de Sintra. E foi aí que começaram a navegar nas ondas da musicalidade, ainda que logo de imediato mudassem de instrumentos, Álvaro José para viola baixo e Caínhas para bateria.

Para navegar as ondas da musicalidade era preciso um timoneiro. A escolha recaiu em Carlos Henriques (Xixó) que abarcava vários saberes musicais. A eles logo se juntou Carlos Rodrigues com o seu saxofone. Foi com estes quatro elementos que o sonho se concretizou, a 25 de janeiro de 1964. Um ano depois, juntou-se aos Diamantes Negros um outro histórico de peso, Luís Cardoso.

Os Diamantes Negros, fruto de várias incidências, como a guerra colonial, por exemplo, tiveram ao longo destes 50 anos várias formações. A formação atual é composta por: Caínhas, Luís Cardoso, Jaime Pereira e Xixó.

Preço: 10,00 euros

Centro Cultural Olga Cadaval
Praça Dr. Francisco Sá Carneiro
Telef.  21 910 71 10

 
Image