Image

Sintra investe 26 milhões no espaço público e saneamento

invest smas

A Câmara Municipal de Sintra vai investir cerca de 26 milhões de euros na melhoria do espaço público do concelho, com a realização de obras que vão desde a requalificação de estradas, remodelação ou instalação de redes de água e esgotos e aumento da cobertura da varrição e limpeza.

A autarquia vai investir 5,8 milhões para saneamento na zona Oeste do concelho.

Durante a apresentação dos investimentos, que decorreu no Palácio Valenças, o presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, afirmou que esta é a segunda fase do seu mandato à frente da autarquia e terá como prioridade a melhoria do espaço público do concelho.

“A limpeza do espaço público é fundamental para o município, assim como criar espaços verdes e parques urbanos. E queremos a cobertura total do concelho com água e saneamento. É inadmissível que em pleno século XXI exista num concelho próximo da capital portuguesa zonas onde não existe saneamento e em que o abastecimento de água não é regular”, disse o presidente da autarquia.

Assim, serão investidos ainda este ano 625 mil euros para requalificação da rede rodoviária, 1,5 milhões de euros na requalificação da Praia Grande (requalificação do muro e da frente de praia, bem como do acesso às escadinhas junto às pegadas de dinossauros).

O aumento da varrição nas freguesias de Rio de Mouro e de Algueirão-Mem Martins custará ao município 150 mil euros anuais e contempla a contratação de 50 pessoas inscritas no Instituto de Emprego.

“Entendemos que a contratação destas 50 pessoas ajuda a combater o desemprego no concelho”, afirmou Basílio Horta.

A Câmara de Sintra, através dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento, vai investir 24 milhões de euros em diversas obras, onde se inclui o saneamento na zona Oeste do concelho, remodelação de rede de abastecimento de água de Algueirão, remodelação das redes de abastecimento de águas, águas residuais domésticas e pluviais em São Pedro de Sintra e redes de águas domésticas e pluviais nas povoações de Almornos, Mancebas e Fonte da Aranha.

Os SMAS vão investir ainda na construção da conduta adutora em Rio de Sapos, Belas, na construção do emissário do Magoito e na remodelação de redes de água e esgotos em algumas ruas de Queluz e Agualva.

Campanha "Sintra Chama" apela à limpeza de terrenos

Image
Image